|
|
|
|

10-08-2020 - Fatos Históricos em 10 de agosto

500 — Após ter dobrado o cabo da Boa Esperança, Diogo Dias descobre uma ilha que deu o nome de São Lourenço, mais tarde designada Madagascar. 1792 — Começa a Jornada de 10 de Agosto de 1792 em Paris, que culminaria na Revolução Francesa. 1793 — O Museu do Louvre é inaugurado oficialmente em Paris, França. 1809 — Quito, agora capital do Equador, declara independência da Espanha. 1821 — Missouri torna-se o 24º Estado norte-americano. 1846 — Elias Howe patenteia a máquina de costura. 1974 — Gerald R. Ford assume a presidência dos Estados Unidos após a renúncia de Richard Nixon. 1994 — É lançado o satélite brasileiro BrasilSat B1. 2010 — Margaret Chan, diretora-geral do organismo da Organização Mundial da Saúde, anunciou o fim da pandemia de gripe A (H1N1). 2018 — Um Bombardier Q400 da Horizon Air cai na ilha Ketron, Washington, depois de ter sido roubado por um mecânico. Os caças F-15 da Guarda Nacional do Oregon interceptaram o avião, mas o piloto deliberadamente caiu antes que eles pudessem derrubá-lo.

08-08-2020 - Fatos Históricos em 8 de agosto

1709 — O padre brasileiro Bartolomeu de Gusmão inventa o balão de ar quente. 1864 — Criação da Cruz Vermelha. 1914 – Fundação da agremiação esportiva Madureira Esporte Clube. 1945 — A União Soviética declara guerra ao Japão. 1946 — Inauguração do Organização Desportiva Pan-Americana. 1969 — Criado o Parque Estadual de Jacupiranga, no Estado de São Paulo. 1974 — O presidente dos Estados Unidos Richard Nixon renuncia a presidência do país devido ao escândalo Watergate. 1991 — A Torre de rádio de Varsóvia, com altura de 647 metros, desaba. 1994 — Inaugurada a emissora brasileira de televisão Rede Mulher. 2008 — Um trem expresso EuroCity no trajeto de Cracóvia, na Polônia, para Praga, na República Tcheca, colide com uma parte de uma ponte que caiu sobre a ferrovia perto da estação ferroviária de Studénka, na República Tcheca, e descarrila, matando oito pessoas e ferindo outras 64.

07-08-2020 - Acontecimentos em 07 de agosto – destaque para a sanção da Lei Maria da Penha

1879 – É registrada a maior precipitação de neve no Brasil, quando a cidade gaúcha de Vacaria ficou coberta sob 2 metros de gelo. 1944 – Pablo Picasso termina o famoso quadro O tomateiro. 1955 – Início dos trabalhos de construção do Metropolitano de Lisboa. 1965 - Dia do folclore, 22 de agosto 1991 – Tim Berners-Lee coloca on-line o primeiro website, inaugurando a World Wide Web. 1998 – Atentados terroristas contra as embaixadas estadunidenses em Quênia e Tanzânia. 2006 – Sanção da Lei Maria da Penha no Brasil.

05-08-2020 - Vencer

Há de vencer, o amor, os desafios tantos que a vida nos impõe sem ter qualquer piedade; em meio à escuridão, qual sol na intensidade, se impor por certo irá com luz em todos cantos!... Se fez silêncio atroz nas ruas da cidade e a solidão verteu dos corações os prantos de tanto dissabor e tantos desencantos qual fosse o fim mortal da tal felicidade. Mas creio no amanhã, na força da esperança que a fé me consagrou e com vigor me alcança de que renascerá por certo nova aurora... O amor há de vencer brotando igual renovo e o mundo se fará perfeito em tudo, novo, pra sempre a consolar o coração que chora!... Paulo Braga Silveira Junior

04-08-2020 - Segunda canção de muito longe - Mário Quintana

Havia um corredor que fazia cotovelo: Um mistério encanando com outro mistério, no escuro… Mas vamos fechar os olhos E pensar numa outra cousa… Vamos ouvir o ruído cantado, o ruído arrastado das correntes no algibe, Puxando a água fresca e profunda. Havia no arco do algibe trepadeiras trêmulas. Nós nos debruçávamos à borda, gritando os nomes uns dos outros, E lá dentro as palavras ressoavam fortes, cavernosas como vozes de leões. Nós éramos quatro, uma prima, dois negrinhos e eu. Havia os azulejos, o muro do quintal, que limitava o mundo, Uma paineira enorme e, sempre e cada vez mais, os grilos e as estrelas… Havia todos os ruídos, todas as vozes daqueles tempos… As lindas e absurdas cantigas, tia Tula ralhando os cachorros, O chiar das chaleiras… Onde andará agora o pince-nez da tia Tula Que ela não achava nunca? A pobre não chegou a terminar o Toutinegra do Moinho, Que saía em folhetim no Correio do Povo!… A última vez que a vi, ela ia dobrando aquele corredor escuro. Ia encolhida, pequenininha, humilde. Seus passos não faziam ruído. E ela nem se voltou para trás! Mário Quintana

02-08-2020 - Soneto da Fidelidade

De tudo, ao meu amor serei atento Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto Que mesmo em face do maior encanto Dele se encante mais meu pensamento. Quero vivê-lo em cada vão momento E em louvor hei de espalhar meu canto E rir meu riso e derramar meu pranto Ao seu pesar ou seu contentamento. E assim, quando mais tarde me procure Quem sabe a morte, angústia de quem vive Quem sabe a solidão, fim de quem ama Eu possa me dizer do amor (que tive): Que não seja imortal, posto que é chama Mas que seja infinito enquanto dure. Vinícius de Moraes

01-08-2020 - Dois e dois: quatro

Como dois e dois são quatro sei que a vida vale a pena embora o pão seja caro e a liberdade pequena Como teus olhos são claros e a tua pele, morena como é azul o oceano e a lagoa, serena como um tempo de alegria por trás do terror me acena e a noite carrega o dia no seu colo de açucena — sei que dois e dois são quatro sei que a vida vale a pena mesmo que o pão seja caro e a liberdade, pequena Ferreira Gullar

30-07-2020 - Poema de Sete Faces

Quando nasci, um anjo torto desses que vivem na sombra disse: Vai, Carlos! ser gauche na vida. As casas espiam os homens que correm atrás de mulheres. A tarde talvez fosse azul, não houvesse tantos desejos. O bonde passa cheio de pernas: pernas brancas pretas amarelas. Para que tanta perna, meu Deus, pergunta meu coração. Porém meus olhos não perguntam nada. O homem atrás do bigode é sério, simples e forte. Quase não conversa. Tem poucos, raros amigos o homem atrás dos óculos e do bigode. Meu Deus, por que me abandonaste se sabias que eu não era Deus se sabias que eu era fraco. Mundo mundo vasto mundo, se eu me chamasse Raimundo seria uma rima, não seria uma solução. Mundo mundo vasto mundo, mais vasto é meu coração. Eu não devia te dizer mas essa lua mas esse conhaque botam a gente comovido como o diabo. Carlos Drummond de Andrade

29-07-2020 - Soneto do Amor Total

Amo-te tanto, meu amor... não cante O humano coração com mais verdade... Amo-te como amigo e como amante Numa sempre diversa realidade Amo-te enfim, de um calmo amor prestante, E te amo além, presente na saudade. Amo-te, enfim, com grande liberdade Dentro da eternidade e a cada instante. Amo-te como um bicho, simplesmente, De um amor sem mistério e sem virtude Com um desejo maciço e permanente. E de te amar assim muito e amiúde, É que um dia em teu corpo de repente Hei de morrer de amar mais do que pude. Vinícius de Moraes

27-07-2020 - Ainda sobre o amor!

Amor é fogo que arde sem se ver; É ferida que dói, e não se sente; É um contentamento descontente; É dor que desatina sem doer. É um não querer mais que bem querer; É um andar solitário entre a gente; É nunca contentar-se de contente; É um cuidar que se ganha em se perder. É querer estar preso por vontade; É servir a quem vence, o vencedor; É ter com quem nos mata, lealdade. Mas como causar pode seu favor Nos corações humanos amizade, Se tão contrário a si é o mesmo Amor? Luís de Camões

|<  <<  1 2 3 4 5 6 7 8 9   >>  >|